sábado, 23 de junho de 2007

A DOR DE UMA SAUDADE


Porque doi tanto a dor de uma saudade
Porque doi tanto assim, intensamente?
Ela se instala, e vem tão de repente,
logo que esteja o nosso amor ausente.

E assim como chega, vai loguinho...
- Venha depressa, espanta esta saudade!
Eu sofro se demoras... e a ansiedade
Espeta o peito como fora espinho...

Sabes por certo a dor que isto me causa
Saudade e amor, nos deixam o peito em brasa
Distância a ti, vejo não preocupa

Sempre tens, pra demora, uma desculpa...
E ao invés de dizer-te umas verdades,
Me jogo nos teus braços... ai que saudades!



** MÍRIAN WARTTUSCH **


2 comentários:

Rodrigo disse...

Oi, achei teu blog pelo google tá bem interessante gostei desse post. Quando der dá uma passada pelo meu blog, é sobre camisetas personalizadas, mostra passo a passo como criar uma camiseta personalizada bem maneira. Até mais.

* Roseane S. B. * disse...

♥ Mírian querida!♥
O Blog está lindo mesmo!
"Divina inspiração..."
Parabéns, amiga!
Que ele seja muito visitado e comentado, porque é especial, como você!